Buscar
  • Beatriz Macedo

CRUDIVORISMO E FRUGIVORISMO







A cada dia que passa vemos uma alta adesão por dietas crudivoristas/frugivorista.

Mais conhecidas como alimentação viva, o consumo exclusivo de alimentos crus para promover a nutrição do organismo. Sem produtos de origem animal e sem preparações cozidas ou desidratadas, os alimentos são consumidos em sua forma natural.


Mas o que é crudivorismo?


Em 1984 que a grande febre das dietas aliadas ao crudivorismo se tornaram efetivas, a partir do livro Raw Energy, lançado pela escritora Leslie Kenton, que descrevia uma dieta baseada em alimentos crus. Dizia que estes alimentos eram armas prontas na prevenção contra doenças degenerativas, retardando efeitos do tempo, estimulando a obtenção de energia e fortalecendo o equilíbrio no organismo. A rawfood, ou comida crua, se tornou então popular no crudivorismo: Prometendo melhorar a saúde e desintoxicar o corpo, a dieta seria capaz de proteger o corpo de forma natural.


Alimentos como frutas frescas, vegetais, sementes, grãos germinados ou brotos como trigo, arroz, cevada, centeio, aveia, lentilha, grão de bico, ervilha e alfafa são ideais para compor seu cardápio, sendo todos consumidos crus.

Já o frugivorismo é a forma mais restrita de dietas veganas, que funciona sobre a alimentação exclusiva de frutas.


Ambas alternativas devem ser bem avaliadas e conversadas com seu médico/nutricionista de confiança, para que essa alteração na dieta seja introduzida aos poucos, com acompanhamento, evitado qualquer tipo de deficiência nutricional


Caso queiram saber mais sobre o assunto, eu indico assistirem o vídeo do Eduardo Corassa, nutricionista e que vive com este tipo de alimentação há mais de 11 anos.

Link para vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=mgNcKskN52E



Tenha ma ótima semana,

Beijinhos da Nutri Bea

CRN 3-58059

5 visualizações0 comentário