Buscar
  • Beatriz Macedo

SOJA FAZ MAL?



Me responde ai, quantas vezes você ouviu alguém falar mal da coitada da soja? Aposto que não havia nenhum argumento fundamentado para isso né?! Simplesmente jogaram a informação no ar e depois mudaram de assunto, rs! Está na hora de atender o porque...


Precisamos falar sobre esse alimento milenar (muito presente principalmente na cultura oriental e ocidental até hoje), citada em escritas desde a dinastia Shang (1500 a 1027 a.c) de forma esclarecedora!


São geradas em vagens, são da família das leguminosas, assim como o grão de bico, feijões, lentilha e ervilha. Porém apresentam maior concentração de proteínas, lipídeos, sais minerais (Ferro e Cálcio), e menor concentração de carboidratos e fibras. É uma boa fonte de Fósforo, Magnésio,Vitamina B2, B3, Vitamina E e K.


Há aproximadamente 30 anos atrás, começaram a pesquisar sobre o grão da soja e acharam um composto bioativo chamado isoflavona, muito parecida estruturalmente com o estrogênio (conhecido como hormônio feminino) e começaram a chamar as isoflavonas de "fitoestrógenos".


Realizando estudos na época, utilizaram quantidades excessivas de isoflavonas em animais (quantidade que seria "impossível" uma pessoa consumir vindo da soja diariamente) e esses animais desenvolveram algumas anomalias hormonais.

Porém, além da quantidade excessiva, esses estudos foram feitos em ratos e não em humanos.


Atualmente foram realizadas inúmeras revisões bibliográficas - isto é, um compilado de todos os estudos relacionando a soja/isoflavonas com desfunções hormonais ou/e prejuízos à saúde humana - não foi encontrada nenhuma relação do consumo de soja com distúrbios hormonais em humanos (crianças, adultos, idosos, mulheres, homens, etc).

Desmentindo o boato de que o consumo de soja frequente estaria relacionado a antecipação da puberdade, ginecomastia (crescimento de mamas em homens) e etc.


A semelhança da isoflavona com o estrogênio é somente estrutural, o receptor do estrogênio não é compatível com o da isoflavona, - isso significa que as isoflavonas não atuam com o papel hormonal no nosso corpo. -


Isso quer dizer que o consumo de soja é seguro em todas as fases da vida.

E vai muito além disso, a soja pode diminuir em até 40% - para aqueles que consomem soja ao longo da vida - o risco de alguns tipos de câncer (mamas, ovário, próstata e até de intestino).


Portanto, consumam soja, cozinhe o grão, comam tofu, tempê, leite de soja, missô, proteína isolada da soja, PTS e por ai vai... - procurem por soja não transgênica sempre que possível -


GRÃO DE SOJA (100g)

Carboidrato: 30,16g

Lipídeo: 19,94g

Proteína: 36,49

Fibras: 9,3g


Espero ter ajudado a desmistificar esse assunto tão polêmico!

Qualquer dúvida, só entrar em contato comigo.

Beijos de luz.

Nutri Bea Macedo.

CRN 3-58059




<FONTE: Livro Soja hormônios e câncer. A ciência por trás dos mitos. Dr. Lucas Caseri>

76 visualizações1 comentário
 

©2019 by Nutricionista Beatriz Macedo.